Mico olímpico: atleta derruba celular na Rio 2016

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

Já escrevi aqui a dificuldade de se separar do celular independentemente da ocasião, mas parece que temos um novo recorde olímpico nesse quesito. Uma partida de florete individual, categoria da esgrima dos Jogos Olímpicos Rio 2016, foi interrompida porque um dos participantes deixou seu telefone cair.

O francês Enzo Lefort estava, acredite se quiser, com o celular no bolso durante o confronto contra o alemão Peter Joppich. No meio do combate, o aparelho foi ao chão o que provocou uma interrupção na disputa. Enzo entregou o celular ao técnico antes de retomar e perder o embate por 15 a 13.

Não se sabe se ele ficou mais chateado com a derrota ou com o tombo que seu gadget levou. Se nem durante uma partida olímpica, que exige tanto tempo de preparação, esforço e concentração; o jovem atleta conseguiu guardar o celular, imagina no dia-a-dia.

Isso serve de reflexão, não apenas para Lefort, mas para todos nós. Como que esse nosso vício em tecnologia está contribuindo ou prejudicando o nosso rendimento? Será que conferir o nosso feed de notícias em excesso é bom para nos informar, ou nos distrai e atrasa outras atividades?

Bem, o francês tem mais quatro anos para pensar nessas questões antes de voltar a uma olimpíada.

Tags

sobre o autor